sexta-feira, 27 de dezembro de 2013

Leopardo-das-neves (Uncia uncia)

ZOOLOGIA - 233 
CLASSE DOS MAMÍFEROS - 52
ORDEM CARNÍVORA - 21
FAMÍLIA FELIDAE - 10
GÊNERO UNCIA - 1



ESPÉCIE: Leopardo-das-neves (Uncia uncia) - Schreber, 1775 [EN].


              O Leopardo-das-neves (Uncia uncia) é um felino que habita as grandes altitudes da Ásia central, principalmente o Tibete, o Nepal, a Índia, o Paquistão, o Himalaia e o monte Everest. Pouco se sabe a respeito desse animal arredio e solitário, que raramente é visto por seres humanos.

Características
              Durante séculos, o Leopardo-das-neves, originário da Ásia Central, tem sido alvo de mistério e folclore. Por exemplo, as pessoas dos vilarejos da Ásia Central acreditam que os Leopardos-das-neves não comem a carne das suas presas, alimentando-se apenas do seu sangue (esta crendice é explicada pelos pequenos orifícios deixados pelos caninos dos leopardos, quando eles sufocam suas vítimas e pelos exemplos do abandono da presa antes da alimentação, quando os animais são molestados pelos nativos).

              Os Leopardos-das-neves estão distribuídos esparsamente e descontinuamente pelas montanhas da Ásia Central (conhecida como “O telhado do Mundo”), com uma população de tamanho desconhecido. Habitam zonas alpinas e sub-alpinas, são encontrados em áreas acima de 3000 metros do nível do mar. Durante o verão, podem ser encontrados em altitudes superiores a 5000 metros. Geralmente estão associados com ambientes áridos e semi-áridos.

              Estes animais são caçadores oportunistas, que podem predar desde um Iaque (que pesa mais de 200 kg) até um pequeno veado almiscarado (que pesa somente 10 kg). Podem também predar aves como o faisão ou as pequenas marmotas. Trata-se de um animal pouco estudado, devido a seus hábitos reservados, poucos exemplares, distribuição esparsa e dificuldade das condições do seu habitat. São animais que medem, de cabeça e corpo até 130 centímetros e a cauda que chega a 100 centímetros (1 metro).

              Fêmeas podem pesar até 40 kg e machos até 55 kg. A sua coloração varia do cinza claro ao cinza escurecido, com as partes inferiores quase brancas. Todo seu corpo é recoberto por rosetas e manchas. A cabeça é relativamente pequena e o pelo é bastante longo. Os filhotes (em média 3), nascem em abrigos nas rochas, após um período de gestação de aproximadamente 103 dias. Pesam ao nascer aproximadamente 450 gramas e abrem os olhos após 7 dias. Começam a ingerir alimento sólido aos 3 meses de idade.

Estado de conservação
              A espécie possui de 4.500 a 7.500 espécimes na natureza, é alvo constante da caça clandestina. Uma pesquisa da WCS descobriu mais espécimes nos arredores do Corredor Wakhan, no nordeste afegão.

Galeria: 24.

























Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não faça comentários anônimos ou de caráter ofensivo e desrespeitoso!
Obrigado!