domingo, 18 de maio de 2014

Azulona (Tinamus tao)

ZOOLOGIA - 334
CLASSE DAS AVES - 221
ORDEM TINAMIFORMES - 2
FAMÍLIA TINAMIDAE - 2
GÊNERO TINAMUS - 1


ESPÉCIE: Azulona (Tinamus tao) - Temminck, 1815 [LC].

               A Azulona (Tinamus tao) é uma ave cinegética encontrada na Amazônia brasileira e na bacia do Alto Paraguai, exclusivamente em áreas da mata-de-terra-firme. 

Descrição
               Sua coloração é de tom cinza-ardósia. Mede 52 centímetros e cerca de 2,5 kg ou mais. 

Reprodução
               Em observações de campo conduzidas pelo ornitólogo José Carlos Reis de Magalhães, encontrou a relação de sexos de dois machos para cada fêmea, que a postura era, sempre, de três ovos e as fêmeas acasalam duas vezes na estação, com dois machos diferentes e consecutivos. A estratégia reprodutiva da Azulona indica que a espécie tem estado sujeita a fortes pressões predatórias, tendo assim caminhado, evolutivamente, para a solução de reduzir a postura para três ovos e fazer duas posturas por ano, reduzindo riscos. Uma peculiaridade sobre os ovos da Azulona, está no fato de serem quase perfeitamente esféricos, em nada oblongos, como os de Tinamus solitarius, porém idênticos na coloração verde-azulada.

               As estreitas afinidades entre o Macuco e a Azulona sempre foram objeto das cogitações dos sistematas que os estudaram. As diferenças entre eles estão, praticamente, no colorido, já que, morfologicamente, são idênticos. Apenas no peso, nossos dados acusam pequena vantagem para a azulona. É provável que macuco e azulona venham de um ancestral comum e que, por razões climáticas, foram separados pela ocorrência de soluções de continuidade entre as áreas florestadas da Amazônia e do Sudeste (Mata Atlântica). 

               Mantiveram muita coisa em comum, como a voz, igualmente eficiente para ambas, nos biótopos semelhantes em que remanesceram. A azulona apresenta subespécies ou raças geográficas, ao longo de suas áreas de ocorrência, onde divide o habitat com outros representantes do gênero Tinamus, como o Inhambu-galinha (Tinamus guttatus) e o Inhambu-açu (Tinamus major), este encontrado na mata-de várzea.

Galeria: 13.













Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não faça comentários anônimos ou de caráter ofensivo e desrespeitoso!
Obrigado!